terça-feira, 11 de agosto de 2009

Michael Junior

Michael Jackson não morreu!
Pelo menos esse é um dos mistérios que ronda a morte do astro. Assim como a possibilidade de ele já ter morrido há muito tempo e só ter vindo à tona agora. Outro mistério é o seu caixão fechado, ninguém viu o defunto. E mais, porque seus grande – e poucos – amigos não estiveram no funeral show?! Porém, a mais bombástica das notícias sensasionalistas é esta: Ele voltará em Novembro! Ou seja, tudo isso não passou do maior golpe de marketing da história.

Especulações e esquisitices à parte, a verdade é que o Michael Jackson mexeu com o mundo... não, melhor, ele fez um terremoto no mundo! E o pior, é que o cara (morto ou vivo, não sei mais) continua vendendo disco a doidado! O rei do pop honrou o ditado e não perdeu a majestade... mesmo morto.

Em contrapartida a todo esse sucesso e cachoeira de especulações, deste lado dos meros mortais, está o meu irmãozinho, o Junior. Não está quebrando recordes de vendas ou marcando shows bilionário, é que meu irmão odiava o Michael Jackson. Sim, não precisa ler de novo, o caçula dos meus irmãos tinha uma espécie de Jacksonfobia. Era o ex-negro branquear na telinha para o meu irmão correr ou esboçar um choro.
Certa vez, eu pedi para que ele trocasse os canais para mim, e de repente, enquanto fazia o seu ofício e contava seus casos futibolísticos... o som (triller)... a imagem... o mostro. Meu pequeno irmão paralisou por alguns segundos, como o rei do pop, branqueou, e com os olhos esbugalhados me perguntou: “O que eu faço agora?”
Graças a Deus, era só um comercial da MTV, pois quase que nós morremos – Ele de susto, e eu de tanto rir!

Então, se tudo isso for de fato uma campanha publicitária, o ex-líder dos Jackson Five voltaria com força total e com novos fãs, ou pelo menos com mais um: O Junior. Sim, ele também virou fã do astro black or white. Agora, quer ouvir suas músicas, imitar seus passos e ver seus clipes. (E, confesse que você também gostaria de vê-lo voltar dos mortos para fazer o Moonwalker!).

Com tudo isso podemos concluir que Michael soube encantar o mundo deste lado durante 50 anos, no entanto, existe um mundo do lado de lá para eternidade. Como ele estaria se saindo lá???

Em Cristo,
Kiko Machado

Nenhum comentário: