terça-feira, 21 de julho de 2009

E Se Jesus...

Aconteceu de novo!
Eu explico.

Era uma noite fria e brilhante de um santo Sábado. O local estava pronto com plumas e paitês. Adultos bem vestidos e adolescentes com gravatas tortas. Doces infantis na entrada da festa marcavam a passagem de uma era. A pista de dança estava linda e mostrando que seria uma noite inesquecível. Fotos gigantes decoravam as paredes roxas. Tudo pronto! Estava para começar uma festa de 15 anos.

A aniversariante estava linda, fez duas entradas triunfais, dignas de uma menina-moça. Homens maquiados (ex-palhaços) alegravam a festa com seus fogos voadores e saltos horripilantes.
A festa rolava solta. Todos bebiam, dançavam e se beijavam. Todos pulavam, dançavam e se divertiam. Todos riam, dançavam e cantavam juntos. Todos estavam felizes. Enquanto eu pensava.

Aconteceu de novo! De novo pensei o que não gostaria de pensar... e o pensamento era esse: E se Jesus... não tivesse nascido... para mim?! E se Jesus não tivesse me chamado?!
Esta pergunta me atormenta por muitos anos. Nunca conheci o “mundo”. Chego a pensar que é o Diabo sujo... sei lá.
Porém, dessa vez, relatarei o que pensei:

- Eu dançaria!
Não queria beber, fumar ou ficar, eu gostaria de dançar. Dançar até cansar. Dançar bonito. Dançar sem olhares maliciosos e condenatórios. Eu só queria dançar!

(Puxa, sinto-me num confessionário virtual!)

E se Jesus me perguntar no grande dia....
- E por que não dançou?!

E terei vergonha de responder...

Em Cristo,
Kiko

Nenhum comentário: