segunda-feira, 18 de maio de 2009

Ser/Ter Um Amigo

Certa feita, um dos melhores oradores e líderes do Brasil – Ed Rene Kivitz – postou em seu blog o desejo ardente de ter amigos! Isso mesmo: Amigos! Na época, pensei que poderia me candidatar, afinal de contas, imaginei, “amigos são para essas coisas mesmo!”. Sonhava que ser/ter um amigo, seria mais simples que o pirulito e a criança. Mas, a criança já era lutadora de jiu-jitsu!

O tempo decolou e ganhou a velocidade da luz, e num curto período de tempo, fiz descobertas impressionantes, entre elas a de que ele estava certo!
Por isso, comecei a pensar nos amigos que deixei (ou perdi) pelos altos ares de minha vida, e tenho concluído que conhecidos são muitos, mas amigos... fazem uma falta incrível.

Aqui registro alguns que deixei/perdi pelo caminho:
- Infância: Rafael, Edinho, Adriano e Roger...
- Adolescência: Antonio, Nego, Cid e Nilton...
- Juventude: Luciano e Marcelo.
- Adulto: Adriano, Pr Mauro e Pr Ailton.
(Deixei de fora os mentores, pois são mais que amigos, são ídolos: Pai, Pr Roosevelt, Pr Baier e Pr Pedro).

Sinto falta de qualquer um deles, do egocentrismo exagerado do Rafael, ao humor estranho do Pr. Ailton. Das histórias do Antonio a inteligência do Marcelo. Da parceria para bobagens do Nego ao constante estresse do Nilton.
Hoje, também preciso de amigos, pois aprendi que amigos são aqueles que:
1. Tem várias razões para deixar de ser mais seu amigo... e mesmo assim, continua sendo o melhor;
2. E também, é aquele que ouve seus pecados, ri e comenta deles, e depois tenta ajudar.

“Amigo” leitor, cultive amigos, invista em pessoas! Seja/Tenha amigo! Num futuro, não muito distante daqui, eles farão uma falta danada.

Kiko Machado

Nenhum comentário: